Blog do iscoti

Do mato vieste e ao mato voltarás


Deixe um comentário

Chegando lá – Getting there

Em vermelho temos a pista feita em 2012 por Marcos Silvério, Cezinha Zé, Guapiara e eu, nesta viagem estávamos à procura de caverna na continuidade do Ribeirãozinho rio, e em azul temos a pista feita por Fabio Von Tein, Zé Guapiara e eu agora em março.

Por duas vezes chegamos perto de uma grande descoberta, mas acho que na próxima exploração provavelmente vamos voltar com uma grande notícia. Entre as linhas temos uma montanha e um rio provavelmente cruzando a montanha o que indica que a conexão entre os dois pontos provavelmente é uma caverna.

Precisamos verificar localmente isso.

 

In red we have the track done in 2012 by Marcos Silvério, Cezinha Zé, Guapiara and me, in this trip we were looking for cave in the continuity of the Ribeirãozinho river, and in blue we have the track done by Fabio Von Tein, Zé guapiara and me now in March.

For two times we got close to a great discover, but I think in the next exploration probably we will return with great news. Between the lines we have a montain and a river probably crossing the montain what indicates that the connection between the two point probably is a cave.

We need to check locally this.

Bulha 1Bulha 2


Deixe um comentário

Abrindo novas fronteiras – Opening new frontiers

Desta vez fomos (Fábio Von Tein, Zé Guapiara e eu ) para uma região pouco explorada em busca de novidades.
Ainda estou preparando o material de mídia mas abaixo segue o Georeferenciamento do desnível e os caminhos percorridos no mapa.
Em breve mais novidades.

In this trip we (Fábio von Tein, Zé Guapiara and I ) went to a region that was not totally explored in search of new discovers.
I am still preparing the midia material but for now I put in the image bellow the land uneven georeferencing and the track that we went through.

Trilha Fundão

mapa com trilha


1 comentário

O chamado do subterrâneo – The underground call

Nesta viagem, o desafio era descobrir a conexão entre a caverna João Dias e o abismo Los Tres Amigos, uma estreita passagem vertical poderia ser a conexão desejada que estávamos procurando durante os últimos anos.
Então vamos lá explorar a caverna.

At this trip the challenge was discover the conection between the João Dias cave and the Los Três Amigos abyss, a vertical narrow passage could the desired conection that we were seeking for the last years .
So let’s go explore the cave.

A preparação na casa do Zé Guapiara e seguindo de trator para Bulha.
Preparing the equipments in Ze Guapiara’s house and Going to Bulha by tractoriscoti-bulha-09-2016-01
iscoti-bulha-09-2016-02
iscoti-bulha-09-2016-04Entrando na Trilha para o Vale dos Buenos, umas 2 horas de caminhadas até a Gruta João Dias onde provavelmente iremos passar a noite.
Following the Buenos’ trail, a long journey to the João Dias Cave. Approximately 2:00 hours in the woods to reach the place that we will stay during the night.
iscoti-bulha-09-2016-12
Um dos marcos da trilha Interparques.
The Interparques  trail landmark.
iscoti-bulha-09-2016-08
iscoti-bulha-09-2016-05
Técnica local para beber a água do rio.
Local technique for drinking water.
iscoti-bulha-09-2016-09iscoti-bulha-09-2016-06
Antigo marco da estrada, a mesma não existe mais pois foi tomada pela mata.
Road ancient landmark. The road no longer exists because it was covered by the jungle.iscoti-bulha-09-2016-07Espiritos da Floresta.
Spirits of the jungle.
iscoti-bulha-09-2016-11iscoti-bulha-09-2016-16
Esta árvore foi derrubada por um Pica-pau.
This tree was cut down by a woodpecker.
iscoti-bulha-09-2016-13iscoti-bulha-09-2016-14
Entrando na Gruta João Dias.
Entering in the João Dias cave.
iscoti-bulha-09-2016-17
A Equipe: Tom, Fabio Von Tein, Zé Guapiara, Brandi & iscoti.
The team: Tom, Fabio Von Tein, Zé Guapiara, BRandi & iscoti.
iscoti-bulha-09-2016-18
Entrada secundaria da Gruta João dias.
Secondary access to João Dias cave.
iscoti-bulha-09-2016-19
A caverna possui algumas passagens estreitas até o ponto de exploração.
We faced some narrow passage to access the exploration point inside the cave.iscoti-bulha-09-2016-26iscoti-bulha-09-2016-27
Estávamos em busca de uma conexão entre a caverna João Dias e o abismo Los Três amigos. Uma fenda de 40 metros no final da caverna precisava ser conquistada.
We were looking for a connection between the João Dias cave and the Los Três amigos Abyss. A 40 meters crack in the limestone in the end of the cave, was the object of our exploration.
iscoti-bulha-09-2016-21iscoti-bulha-09-2016-22Salão no final da fenda, infelizmente não encontramos nenhuma conexão.
The chamber in the end of the crack, unfortunately no connection was found.iscoti-bulha-09-2016-23iscoti-bulha-09-2016-24
Pegando um pouco de água em uma pequena ressurgência.
Collecting drinkable water in a small flux in the mud.
iscoti-bulha-09-2016-25
Saimos tarde da caverna e precisamos dormir na região.
We left the cave late night what forced us sleep in the region.
iscoti-bulha-09-2016-32
Preparando a refeição.
Preparing our food.iscoti-bulha-09-2016-29
Arrumando o fogão de benzina.
Fixing the benzine stove.iscoti-bulha-09-2016-28iscoti-bulha-09-2016-31
Uma nova aplicação para o isolante térmico.
A new use for the thermal isolation.iscoti-bulha-09-2016-30
Tempinho para a leitura.
Time for read.iscoti-bulha-09-2016-35
Nosso lar por uma noite.
Our home for one night.iscoti-bulha-09-2016-33
Entrada da João Dias.
João Dias’s entrance
iscoti-bulha-09-2016-36
A volta foi debaixo de chuva.
To complete the adventure our return was done under the rain.
DCIM100GOPRO
Uma boa refeição nos aguardavan a volta.
When returning a good meal awaited us.
DCIM100GOPRO
DCIM100GOPRO
E isso ai, a gente se vê na próxima postagem.
That’s all folks, see you in the next post.


Deixe um comentário

De volta ao passado- back to the past times

Só um post rápido, achei este folder nas arrumações aqui em casa. A Sherpa foi uma das primeiras empresas a fazer equipamentos mais profissionais para os aventureiros. eu ainda tenho a minha modular. Passamos vários perrengues juntos.

Just a quick post, I found this folder in my stuffs here at home. The Sherpa was one of the first companies to do more professional equipment to adventurers. I still have my modular. We spent several hardship together.

 


1 comentário

De volta a Bulha d’Água (Back to Bulha)

Aqui estamos novamente, de volta à Bulha em busca de novas descobertas. Nosso primeiro plano era passar a noite na selva na região do Fundão, mas a temperatura e a disponibilidade de nosso guia mudou a nossos planos e decidimos ir para a caverna Buenos IV e marca no GPS a entrada das galerias superiores.

Here are we again, back to Bulha looking for new discovers. Our first plan was spend the night in the jungle in the Fundão region, but the temperature and the availability of our guide changed our plans and we decided visit the Buenos IV cave and mark in the GPS the entrances in the upper galleries.

 

Como de costume, a hospitalidade do nosso amigo, Zé Guapiara e sua família, aqueceu nossos corpos e corações. Já são mais de 11 anos explorando em conjunto a região.
A cerejeira no jardim estava cheio de flores e pássaros.

As usual the hospitality of our friend, Zé guapiara and his family, warmed your body and hearts. We are working together more than 11 years exploring the region. The
cherry tree in the garden was full of flowers and birds.
Bulha 07 2016 by iscoti 46Bulha 07 2016 by iscoti 45Bulha 07 2016 by iscoti 44Bulha 07 2016 by iscoti 42

Saindo em direção da sede de Bulha.
Preparing to leave the farm in the direction to the Bulha d’água base.
Bulha 07 2016 by iscoti 43

Pegando a chave da sede com os guarda-parque.
Taking the entrance gate key with the park guards.
Bulha 07 2016 by iscoti 39

Os ventos destruiram o telhado do portão da frente e a pequena capela está agora no chão.
The winds destroyed the roof of the front gate and the little chapel is now on the floor.Bulha 07 2016 by iscoti 37Bulha 07 2016 by iscoti 38

O frio e a geada mataram a vegetação, um risco crítico em caso de incêndio.
The cold and the freeze killed the vegetation, a critical risk in case of fire. Bulha 07 2016 by iscoti 55

Boa notícias, a estrada foi reconstruída e o único problema que enfrentamos foram algumas árvores que caíram no meio do caminho.
Good news, the road was rebuilt and the only problem that we faced were a few trees that fell in the middle of the path.Bulha 07 2016 by iscoti 53Bulha 07 2016 by iscoti 52Bulha 07 2016 by iscoti 51

Mais boas noticias, o telhado da casa foi consertado, a casa estava limpa e em melhores condições se comparada a nossa última estada no local.
More good news, the roof of the researcher’s house was fixed, the house was clean and in a better shape if compared to our last stay on it.
Bulha 07 2016 by iscoti 15

Preparado para a saída.
Preparing to leave
Bulha 07 2016 by iscoti 50

Dentro da mata.
Into the forest.
Bulha 07 2016 by iscoti 36Bulha 07 2016 by iscoti 35

Pegadas de onça.
Jaguar foot prints.
Bulha 07 2016 by iscoti 47

Chegando a entrada C da Gruta Buenos IV.
Arriving at entrance C in Buenos IV cave.Bulha 07 2016 by iscoti 33

Esta entrada é conhecida como a passagem anal.
This entrance is knew as the anal passage.Bulha 07 2016 by iscoti 32

Entrando na caverna.
Going inside the cave.
Bulha 07 2016 by iscoti 31Bulha 07 2016 by iscoti 30Bulha 07 2016 by iscoti 29

O  grande salão principal  da Buenos IV.
The huge main chamber in Buenos IV.
Bulha 07 2016 by iscoti 28

Pérolas de caverna.
Cave pearls.
Bulha 07 2016 by iscoti 27Bulha 07 2016 by iscoti 26

Espelotemas.
Speleothemes.
Bulha 07 2016 by iscoti 25Bulha 07 2016 by iscoti 23Bulha 07 2016 by iscoti 22Bulha 07 2016 by iscoti 21Bulha 07 2016 by iscoti 20

Fabio Von Tein fez uma descoberta interessante, essas rochas são seixos de rio e eles estão em galerias superiores, o que indica que temos um rio fóssil dentro da caverna.
Fabio Von Tein made an interesting discover. Those rocks are pebble riverstone and they are in the upper galleries, what indicates that we have a fossile river inside the cave.
Bulha 07 2016 by iscoti 24

Acesso as entradas superiores.
Acess to upper entrances.
Bulha 07 2016 by iscoti 19Bulha 07 2016 by iscoti 18

A coordenada “plotagem saída superior” indica uma nova região a ser explora na parte superior esquerda do mapa.
The coordinated “Plotagem saída superior” indicates a new area to be explored at the top left of the map.
Buenos IV

Deixando a caverna de volta para a sede.
Leaving the cave and going back to the base.
Bulha 07 2016 by iscoti 17Bulha 07 2016 by iscoti 16

Frio, muito frio.
The image tell by itself, too cold.
Bulha 07 2016 by iscoti 14

Novo dia, novas aventuras. Discutindo sobre regiões para explorar e preparando os equipamentos.
New day, new advetures. Discussing about regions to explore and preparing the equipments.
Bulha 07 2016 by iscoti 13Bulha 07 2016 by iscoti 12Bulha 07 2016 by iscoti 11

Prontos para ir.
Ready to go.
Bulha 07 2016 by iscoti 10

Na floresta de novo, em busca de novas cavernas.
Into the forest again, in the search for new caves.
Bulha 07 2016 by iscoti 09Bulha 07 2016 by iscoti 08Bulha 07 2016 by iscoti 07Bulha 07 2016 by iscoti 06Bulha 07 2016 by iscoti 05Bulha 07 2016 by iscoti 04Bulha 07 2016 by iscoti 03Bulha 07 2016 by iscoti 02

Fizemos o caminho do lado direito do mapa, próxima oportunidade vamos tentar investigar a área na linha amarela.
We made the track on the right side of the map, next opportunity we will try investigate the area marked with the yellow line.
Última saída

A equipe:
The team:
Borboleta, Vagalume, iscoti, Adrenalino, Fabio Von Tein e Zé Guapiara.Bulha 07 2016 by iscoti 48


2 Comentários

Bulha d’ Água – Ribeirãozinho III

Olá a todos !!!
Seguem as fotos da última saída

Hello everybody !!!
See the pictures taken in the last cave trip

Preparing to leave in the Zé Guapiara`s farm.
Preparando a saída na fazendo do Zé Guapiara.

On the road to the researcher’s house in Bulha d’Água.
Na estrada indo para a Casa de Pesquisa em Bulha d’Água.

Preparing the equipments, food and ourselves for the adventure.
Nos preparando, preparando os equipamentos e comida para a saída.iscoti 04 2016 - 08iscoti 04 2016 - 09iscoti 04 2016 - 10iscoti 04 2016 - 11
Going in to the wild.
Indo pro mato.iscoti 04 2016 - 30iscoti 04 2016 - 13
Into the cave, exploring the active gallery with the Ribeirãozinho river following the gallery circuit.
Dentro da cavernas, na galeria ativa onde corre o Rio Ribeirãozinho.
iscoti 04 2016 - 14iscoti 04 2016 - 15iscoti 04 2016 - 28
Starting the exploration of the gallery’s upper levels looking for an intersection with possible new the fossile galleries.
Começando a exploração das galerias superiores em busca de uma conexão com possíveis galerias fósseis.
iscoti 04 2016 - 16iscoti 04 2016 - 17iscoti 04 2016 - 18iscoti 04 2016 - 21iscoti 04 2016 - 19iscoti 04 2016 - 20
A hard exploration done by Brandi, climbing between fallen rock blocks in from of a abyss with more than 15 meters.
Lance de exploração bem complicado realizado pelo Brandi, escalando blocos abatidos  em frente de um abismo de mais de 15 metros.
iscoti 04 2016 - 23
Some Speleothems
Alguns espelotemas
iscoti 04 2016 - 25iscoti 04 2016 - 26
Going back
Retonando
iscoti 04 2016 - 27
Back to our refuge
De volta a casa
iscoti 04 2016 - 29

No new connections were discovered but as usual we got more questions that answers and the exploration still continues. New possbilities were identified in another cave called Buenos IV, we have our mission for the next trip.
Não foram descobertas novas conexões mas como de costume temos mais perguntas do que respostas, e a exploração continua. Novas possbilities foram identificadas em outra caverna chamada Buenos IV , já temos a nossa missão para a próxima viagem.

The Team
A equipe
iscoti 04 2016 - 12
Bia, Brandi, Zé Guapiara, Allan, Von Tein, iscoti, Sunshine, Rejeito, Ivo e Menin